Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Navegar para Cima

 

Compartilhe
Fernand Deligny
1913, Bergues, França - 1996, Graniers, França

​Fernand Deligny dedicou sua obra à vida em comunidade junto a profissionais dedicados a acompanhar e compreender a humanidade de crianças e adultos carentes de linguagem e de comunicação verbal. Produziu ensaios, prosa poética e ficção que se complementam com filmes e outros documentos visuais – como fotografias, desenhos, mapas e as “linhas de errância”, que registravam os movimentos de crianças autistas em comunidades francesas. Sua obra é o produto de um pensamento radical a partir do qual se questionaram as convenções do humanismo burguês, a disciplina psiquiátrica, a psicanálise, a educação formal, a etnologia, a antropologia, a imagem, a política e a primazia logocêntrica da linguagem na cultura ocidental.

TRIGÉSIMA
BIENAL DE SÃO PAULO
A IMINÊNCIA DAS POÉTICAS

7 DE SETEMBRO - 9 DE DEZEMBRO 2012
PARQUE DO IBIRAPUERA, PAVILHÃO DA BIENAL
SÃO PAULO
ENTRADA GRATUITA

HORÁRIO DE VISITAÇÃO
TER, QUI, SÁB, DOM E FERIADOS
DAS 9 ÀS 19H - ENTRADA ATÉ 18h
QUA E SEX DAS 9 ÀS 22H - ENTRADA ATÉ 21H
FECHADO ÀS SEGUNDAS
Logon